Invocar o Nome do Senhor

25/08/2011 20:47

 

 

 

Sem o Senhor nada podemos fazer, sem Ele nada somos, não produzimos bons frutos, por isso precisamos de Sua presença, precisamos estar mesclados a Ele. João 15: 5 diz: “Eu sou a videira, vós os ramos. Quem permanece em mim, e Eu, nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer.”
 


 

Nós precisamos da presença do Senhor, mas como ter a sua presença? A maneira mais simples é invocando o nome do Senhor. Salmos 145: 18 diz: “Perto está o SENHOR, de todos os que o invocam, de todos os que o invocam em verdade.” Quando invocamos o nome do Senhor imediatamente recebemos a Sua presença, Ele vem para perto de nós, não existe uma maneira especifica para invocar o nome do Senhor, pode ser em voz alta ou baixa, pode ser de pé, de joelhos, sentado ou deitado, você pode até mesmo estar trabalhando, não é preciso que você pare o que está fazendo, basta que seja de coração, com sinceridade. Invoque o nome do Senhor, coloque sua mente em Deus, e Ele abençoará teu trabalho, o teu dia, e a tua vida.


 

Quando invocamos o nome do Senhor, Ele nos traz paz, consolo, alegria, nos livra de situações ruins. Em Lamentações 3:55-57 lemos: “Invoquei o teu nome, SENHOR, desde a mais profunda masmorra(cova, situação de morte, perigo, tristeza etc...). Ouviste a minha voz; não escondas o teu ouvido ao meu suspiro, ao meu clamor. Tu te aproximaste no dia em que te invoquei; e me disseste: Não temas.” e Salmos 116:3- 6 diz: “Os cordéis da morte me cercaram, e angústias do inferno se apoderaram de mim; encontrei aperto e tristeza. Então invoquei o nome do SENHOR, dizendo: Ó SENHOR, livra a minha alma. Piedoso é o SENHOR e justo; o nosso Deus tem misericórdia. O SENHOR guarda aos símplices; fui abatido, mas ele me livrou.” Acabamos de ver dois exemplos desse aspecto da salvação por meio do invocar.


 

Não invoque somente nos momentos de tristeza e angustia, também o invoque em momentos de alegria, Ele cobra ao seu povo que invoque, pois Ele formou esse povo para que o louvasse, o exaltasse, Ele nos formou, para que possamos viver na presença Dele. Invocar é uma maneira de exaltar o nome do Senhor, não pense que é um exagero invoca-lo a todo tempo, ou que Ele ficará aborrecido com isso. Pois Ele pede ao Seu povo que o invoque. Muitos até dizem: “Ah! Eu já invoquei o Senhor, no dia em que me converti, aceitando a Jesus, só me bastou invocar naquele dia, naquele momento... não há necessidade de, chamar tanto o nome do Senhor! Eu não preciso fazer isso o tempo todo!”


 

Mas vejamos Isaías 43:21-22 que diz: “Ao povo que formei para mim, para celebrar o meu louvor. Contudo, não me tens invocado, ó Jacó, e de mim te cansaste, ó Israel”. Não diga que você não precisa invocar a todo tempo. Isso não é algo insignificante, pois quanto mais você invoca, mais você é transformado pelo Senhor, mais Ele se aproxima de você, mas você reconhece que precisa Dele, mais você exalta, e santifica o nome do Senhor. Você acha que o nome do Senhor não é nada? Você acha que não precisa do Senhor? Se a resposta for não, então não deixe de invocar, não diga que isso não significa nada! Não diga que não precisa invocar sempre! Se disser isso, é o mesmo que dizer que não precisa do Senhor. Isso é lamentável! Demonstremos ao Senhor que não nos cansamos Dele, que precisamos Dele! Esse é o desejo do nosso Senhor! Aleluia!


 

Deus não se cansa de nossa busca por vivermos em sua presença, Ele fica muito triste, insatisfeito quando paramos de invocar-Lo.


 

Talvez você esteja se perguntando: “O que é invocar o nome do Senhor? Como posso fazer isso? Quando?”


 

As vezes é muito fácil confundir “invocar” com “orar”, são duas coisas essenciais a vida do cristão, duas praticas que ele nunca deve cessar. E sempre que oramos, temos que invocar, sempre que você ora, tenho certeza que ao iniciar sua oração, você diz “Senhor Jesus” ou “Meu Deus e Pai”, “Oh Senhor”, “Oh Deus”... e a partir daí você inicia sua suplica ao Senhor, pede aquilo que você precisa, ora para que Deus te transforme, para que Ele possa ser contigo, e te fazer amá-Lo mais e mais, dentre inúmeras outras coisas que todos falam com o Senhor.


 

Mas perceba que se você não disser algo como “Oh Senhor”, “Oh Deus”, “Oh Pai”... sua oração estará incompleta, não é verdade? Para orar você não somente pede coisas, mas também direciona para Deus sua oração, para isso você invoca, e esse invocar, não é somente para direcionar a oração a Deus, mas também para ter uma proximidade ainda maior com Deus naquele momento. Você consegue perceber agora a diferença entre “orar” e “invocar”? Você não pode orar sem invocar. O que não quer dizer que você não possa invocar, sem depois orar.


 

Vejamos o exemplo de Estevão, em Atos 7: 59, quando ele estava sendo apedrejado pelos Judeus por crer em Jesus, a Bíblia relata que ele “invocava e dizia”, ou “invocava e orava”, ou “em invocação dizia” (essas variações ocorrem de acordo com a tradução). Veja que quase todas as traduções, apontam para o fato de que ele fazia duas coisas diferentes. Isso indica que “invocar” é diferente de “orar”.


 

Invocar significa clamar, chamar pelo nome, ou bradar. Como já foi dito acima devemos invocar o nome do Senhor, e qual é o nome do Senhor? Leia Romanos 10:9 “Se, com tua boca confessares Jesus como Senhor e, em teu coração, creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo.” Esse versículo deixa bem claro que Jesus é o Senhor, é que quando reconhecemos Jesus como nosso Senhor e Salvador, recebemos a salvação.

 

Mais adiante em Romanos 10:13 ele diz: “Porque: Todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo”. Quando invocamos recebemos salvação espiritual, e das situações do dia-a-dia. Quando invocamos, reconhecemos e demonstramos ao Senhor que somos dependentes Dele, e recebemos Sua presença, Ele também cobra ao Seu povo que o invoque, Ele não se cansa do nosso invocar.

Muitos cristãos ao invocar o nome do Senhor, para poder orar, falam: “Oh Deus”, “Oh Senhor”, “Oh Pai”, “Meu Deus e Pai” “Oh Jeová” dentre outras formas... não digo que isso esteja errado, ou que seja heresia, se eu falar que é heresia estarei até mesmo blasfemando... Mas a questão é que estamos na Nova Aliança, no Novo Testamento, nós vemos Estevão, que era apedrejado por judeus, porque ele cria no nome de Jesus. Será que os Judeus não criam no nome de Jeová? Sim criam... assim como Estevão também.


 

Mas Estevão invocava o nome de Jesus, isso era o seu diferencial, será que os Judeus perseguiriam alguém que invocasse o nome de Jeová? Não! A diferença, era que Estevão cria que Jesus era a salvação de Jeová, Jeová como nossa salvação... cria que Jesus é o Senhor! Vemos então que invocar somente Jeová, é algo incompleto. Temos que reconhecer que o Pai enviou o Filho para a terra, que enviou Jesus! Então agora no novo testamento, invocamos Jesus. Quando invoco “Oh Senhor Jesus!”, estou invocando de maneira completa, porque estou invocando o próprio Jeová como nossa salvação, estou invocando Jeová, e reconhecendo que o Cristo já veio, que a profecia de Sua vinda se cumpriu, e que o Filho de Deus já fez sua obra redentora. A Bíblia diz em Colossenses 2:9 que, em Jesus Cristo, habita, corporalmente, toda a plenitude da Divindade.


 

Se eu vou invocar “oh Deus”, quem é Deus pra mim? Para adeptos do paganismo, o deus deles pode ser um rato com um nome esquisito... e eles invocam esse ídolo que eles chamam de deus. A Bíblia diz que devemos reconhecer Jesus como Senhor! Então sempre que invocarmos vamos invocar Jesus como nosso Senhor! Amém?


 

Então o que você acha de invocar o nome do Senhor agora? Basta chamar pelo nome do Senhor: “Senhor Jesus... Jesus, Senhor Jesus! Oh! Senhor Jesus! Oh! Senhor Jesus Cristo.”, repita isso, basta que seja de coração, essa é a única condição para invocar o nome do Senhor, que seja de coração, com sinceridade. Durante todo o teu dia invoque: “Oh! Senhor Jesus!”, assim que acordar de manhã cedo, invoque algumas vezes, e depois faça uma oração. Quando você estiver trabalhando ou estudando também invoque, se for um momento onde você não pode parar de trabalhar, ou parar com qualquer outra atividade, não se preocupe em parar o que você está fazendo, não há necessidade de parar, a única necessidade é de invocar com sinceridade, realmente desejando a presença do Senhor, não pare, mas invoque o nome do Senhor: “Senhor Jesus!... Jesus! Vem Senhor! Oh Senhor Jesus!”, você pode continuar com a sua atividade, mas ao mesmo tempo se colocar na presença de Deus, invocando o Seu nome, invoque enquanto estiver trabalhando ou estudando, e verás a benção do Senhor no que você está fazendo, tu farás com muito mais qualidade se sempre praticar isso. Você pode invocar o nome do Senhor onde e quando quiser, Ele não se cansa de você.


 

Antes de fazer uma oração invoque o nome do Senhor, invoque: “Senhor Jesus, vem! Oh! Senhor Jesus!” faça isso quantas vezes você sentir que seja necessário, então comece a orar, durante a oração invoque algumas vezes, mas não se preocupe com os métodos, ou modos, faça como o seu coração mandar, o importante é que você invoque o nome do Senhor de coração. Isso não é algo criado por homens. É bíblico, é a Palavra do Senhor.


 

Você quer receber a presença do Senhor agora? Se a resposta for sim, então invoque: “Oh! Senhor Jesus! Senhor Jesus!”

 

Salmos 145:18 diz: “Perto está o SENHOR de todos os que o invocam, de todos os que o invocam em verdade.”

 

Atos 2:21 diz: “E acontecerá que todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo.”

 

 

Jesus é o Senhor!

 

Que Deus te abençoe, que Deus te abençoe grandemente.

 

Autor: Alisson Lopes Costa